DockbarX 0.91

DockbarX

0.91

Um menu dock estiloso e funcional para você dar um novo visual à sua Área de trabalho



O Ubuntu 11.04 estreou o Unity como o shell do Gnome, dando um visual completamente novo à Área de trabalho da distribuição. As demais distros de Linux, de modo geral, seguem um padrão de gerenciamento de janelas, agrupando-as da forma tradicional em barras e painéis.

O DockbarX é um aplicativo que vem dar vida nova a essa função do Linux. Com ele, é possível ter um menu funcional e estiloso, uma mescla do que se encontra no Mac, no Windows 7 e na barra do Unity. Visualização de miniaturas, diversos temas diferentes e várias possibilidades personalização são apenas alguns dos atrativos.

DockbarX

Instalação

Para instalar o DockbarX, você pode fazer o download do pacote TAR.GZ clicando em “Clique aqui para baixar” ou, de modo mais simples, executando os seguintes comandos no Terminal (usuários de Debian/Ubuntu e suas variantes):

sudo add-apt-repository ppa:nilarimogard/webupd8
sudo apt-get update
sudo apt-get install dockbarx dockbarx-themes-extra

Depois de instalado, use o atalho Alt+F2 e execute o comando “Dockx” (sem aspas) para que o DockbarX seja iniciado.

Configuração

Acessando as configurações do aplicativo, clicando com o botão direito do mouse sobre ele, você pode alterar inúmeras funções do DockbarX. Na guia “Aparência”, você define um novo tema, bem como altera as cores do plano de fundo da lista de janelas, a cor do texto da janela ativa, da não utilizada, do tempo e muito mais.

Em “Lista de janelas” é possível escolher quais janelas serão mostradas, o alinhamento delas, o tempo de atraso para exibição, habilitar ou não as minijanelas de pré-visualização etc. Na opção “Botões de agrupamento” você encontra funções relacionadas ao que faz os botões do mouse e combinações deles com teclas.

Vários temas à sua disposição

Acessando o menu “Plugins”, é possível ativar e configurar alguns extras do DockbarX. Em “Dock”, você escolhe como vai funcionar a nova barra. Aqui você seleciona se quer que ele fique localizado na base, no topo ou em uma das laterais da tela, se vai ocupar todo o espaço ou apenas o centro dele etc. É aqui que você define o comportamento do aplicativo.

Por fim, em “Avançado” você dá os retoques finais, redefinindo alguns atalhos de teclado, níveis de opacidade e comportamentos específicos para determinados aplicativos. Ao finalizar tudo, clique em “Fechar” para ver as mudanças em prática. É possível que seja necessário o reinício do DockbarX para que as alterações entrem em vigor.

Imagens do DockbarX

Vários temas à sua disposição
Prós
  • Fácil de configurar
  • Personalização
Contras
  • Não exibe miniaturas das janelas/abas de navegador abertas

Nossa opinião sobre o DockbarX:

Finalmente um aplicativo realmente funcional e belo para substituir as tradicionais barras das várias distribuições de Linux. O DockbarX consegue ser, ao mesmo tempo, bonito e funcional, permitindo ser tanto um gerenciador de janelas quanto um painel de lançadores, tudo sem ocupar muito espaço e funcionando de modo inteligente.

O grande diferencial deste aplicativo para seus pares de outros sistemas operacionais é a possibilidade de personalização. Aqui você pode definir praticamente tudo, desde a cor e os efeitos visuais até integrações específicas para determinados aplicativos, como os do pacto LibreOffice. Quem gosta de customizar, tem aqui um prato cheio.

Outra vantagem é a possibilidade de ação por meio de teclas de atalho, também personalizáveis. Essa função ajuda, inclusive, quem migrou de outros sistemas e deseja algo semelhante ao que usava anteriormente.

Um “problema” é o fato de o DockbarX não exibir a miniatura das janelas e abas (no caso dos navegadores) abertas quando se posiciona o cursor do mouse sobre um item. Essa função, aparentemente simples, melhora o aspecto gráfico e ainda confere mais funcionalidade ao aplicativo. De fato, faltou apenas isso.


SHOPPING BAIXAKI

Comentários (0)

  • eduardo eduardo   em 10/7/2011 - versão: 0.45

    Muito bom realmente o programa Baixaki está de parabéns.

Ver todos os comentários »