Logo O Centro do Universo Ícone

O Centro do Universo

Grátis para testar
0 Bytes
Funciona em: Android
Adicionado em : 15/02/2020 Editora Livrus
Baixar Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie! +0 Avaliações - Seja o primeiro a avaliar o produto!

Descrição

Alana Schmidt
Ilustrações. Pinturas, desenhos,emsuportefísico ou digital, dePauloSantoro Índice das Ilustrações Pela ordem em que aparecemnotexto: Capa do livro 1 Apontador, acrílico s/ tela (capa do livro) Vermelha O Longo Caminho / Maria Vermelha ...
"O Centro do Universo" é o segundo livro digital multimídia de Paulo Santoro, com suas músicas e vídeos integrados ao texto, e não é bem uma continuação do primeiro "O Jogo dos Papeletes Coloridos", dado que a história já ficou lá resolvida. Cabe melhor dizer que é mais uma expansão daquele livro pioneiro, já que nesta nova produção, personagens que eram secundários tomam a frente da narrativa, e aprofundam a busca de questões que restaram levantadas, explorando várias potencialidades criadas no enredo: - Quando os dois líderes foram tão motivados? - Porque o Jogo foi desenvolvido assim? - Porque o fracasso inicial? - Onde os personagens se envolveram tão densamente? - Como tudo pode afinal se resolver tão bem? - E... por que o outro? O tema central do multimídia O Centro do Universo tem por pano de fundo os desequilíbrios que afetam o planeta, provocados pelas intervenções brutais do homem no meio ambiente, eventos cada vez mais frequentes. A estrutura do livro está montada sobre três capítulos, com a obra iniciando-se a partir das reflexões de um velho editor momentos antes de sua morte. Por sua mente passam momentos da infância e adolescência, o casamento e a carreira e a convivência com o filho, Gablas. O planeta dar sinais de desgastes por meio de deslizamentos, tremores, ventanias, violentas variações climáticas, já eram lembranças suas guardadas de ainda menino. O capítulo dois avança sobre a vida de Gablas, quando retorna à casa que marcou sua infância para prestar a última homenagem ao pai. A nostalgia que toma conta do ambiente leva o personagem a refletir sobre um período em que, a exemplo do pai, esteve dedicado a conscientizar as pessoas sobre a degradação ambiental. Rememora então Gablas como empregou reconhecido talento para a música para reverberar mensagens capazes de transformar a humanidade e recuperar o planeta. Reflexiva, a terceira e última parte do O Centro do Universo toca no lado desconhecido, o lado sublime no mistério da existência humana. Leva o leitor a refletir sobre como uma energia superior pode interferir nos eventos que atingem o planeta, desde o surgimento das primeiras espécies até a origem da raça humana e suas escolhas. A partir dos três pontos de vista trazidos em seus capítulos, o autor leva o leitor, auxiliado por 17 músicas e vídeos integrados ao texto, a algumas reflexões - entre elas, questões sobre a vida familiar, o envelhecimento, a perda de pessoas queridas, a importância da realização pessoal, os riscos assumidos a partir de determinadas escolhas. Também leva à reflexão sobre a vida em uma sociedade alternativa, marcada pela descentralização do poder, o desapego ao dinheiro e pela adoção de uma educação que valoriza os talentos individuais. Por toda obra, se percebe o pulsar de quão fundamental é dedicar especial atenção ao planeta e à educação de crianças e adultos, pois deles depende a sua preservação.

Prós & Contras

Prós

  • Não encontramos pontos positivos.

Contras

  • Não encontramos pontos negativos.

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o O Centro do Universo

  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação