Logo Cidade Maravilhosa: Rio Ícone

Cidade Maravilhosa: Rio

Grátis
Funciona em: Web
Flash
Adicionado em : 12/05/2011 Mentez
Acessar Acesso Grátis
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie!
+43 Avaliações
  • Foto de willian
    willian 13 de maio de 2011 - 08:43
    10
    Nota Excelente!
    Tem muito cara que gasta tempo metendo o pau em qualquer coisa só para aparecer. Este é um jogo casual e se é Brasileiro dou todo o crédito, ainda mais porque Brasileiro é tudo igual gosta de ficar reclamando de tudo e não faz nada para mudar, quer melhor? então faça! Pelo menos teve alguem que meteu a cara no pc e saiu programando, você o fez? não neah! Eu é que não fui pois não sei programar, então teve alguem que sabia e o fez. O que todo mundo tem que entender é que se sempre quando inventarem um jogo Brasileiro todo mundo vai cair matando em vez de elogiar, ninguém mais vai querer programar mais nada aqui, é assim que todos querem jogos mais baratos aqui??? Com essa torcida toda contra dai fica muito dificil. Aliás Crysis é Halo que por sua vez é cópia de Doom e tal outro jogo é cópia de outro. Idéias tem muitas iguais, mas não é por isso que Halo copiou Doom ou outro jogo, game de carro tem um monte parecido, tem 4 rodas, vidro e tambem anda, nossa que interessante não é verdade?! e tem alguém ai comparando??? Por acaso então tudo é cópia de tudo? É! Então Joga ai e para de reclamar de barriga cheia!!!!
  • Foto de Luiz Specht
    Luiz Specht 12 de maio de 2011 - 13:50
    2
    Nota Ruim!
    Achei totalmente desnecessária essa cópia descarada do Cityville pro Orkut, com prédios e bonecos mais feios. Provavelmente é mais uma pataquada de um projeto brasileiro que desperdiça talentos copiando sucessos e visando, cretinamente, lucro fácil. SEJAM ORIGINAIS, SEU BANDO DE MALANDROS! E nem dá pra dizer que estar em português é um diferencial, porque o Cityville tem em português brasileiro também.

Descrição

Felipe Gugelmin
Ajude a construir o Rio de Janeiro ideal neste jogo que recria os cenários da cidade maravilhosa

Cidade Maravilhosa: Rio é um jogo com aspectos sociais no qual cada usuário é responsável pela administração de sua própria cidade. Porém, em vez de usar um local fictício como cenário, o título usa as ruas, construções e os pontos turísticos do Rio de Janeiro como forma de se aproximar dos jogadores que moram no Brasil.

A produção do jogo é responsabilidade dos mesmos criadores de sucessos como Colheita Feliz e Segredos do Mar. Isso se reflete em uma grande quantidade de conteúdo disponível, além de uma tradução feita para o português brasileiro que mostra bem os diferentes sotaques e formas de falar dos moradores do país.

As tarefas variam bastante, indo desde a plantação de feijão e construção de tanques de pesca até o fornecimento de matéria prima para os lojistas da região. Para obter sucesso no jogo, é muito importante ficar atento à satisfação da população – um local cheio de prédios, mas sem nenhum entretenimento ou áreas verdes, dificilmente será aprovado pelos moradores.

Metrópole movimentada

A grande quantidade de opções disponíveis faz com que Cidade Maravilhosa: Rio tenha um ritmo bastante intenso. É preciso uma boa quantidade de estratégia para conseguir realizar as ações mais importantes, já que a maioria delas gasta uma quantidade variada de energia para ser realizada – quando a quantidade disponível chega a zero, deve-se esperar alguns minutos para continuar administrando a cidade.

Cidade Maravilhosa: Rio - Imagem 1 do software

O jogo está repleto de tarefas inesperadas que, além de garantir maior satisfação para os moradores, garantem recompensas na forma de experiência, dinheiro e itens especiais. É preciso ficar atento ao lucro obtido, já que a quantidade de moedas disponíveis em caixa é o que vai determinar os novos investimentos que podem ser feitos.

Para quem não dispõe de muito tempo para conquistar dinheiro e fazer as tarefas propostas pelo jogo, há a opção de adquirir uma moeda especial chamada DinDin. Através de um cartão de crédito, o usuário pode investir na compra de vantagens que aceleram o ritmo de construção da cidade. Segundo a produtora, em breve também será possível adquirir estes créditos na forma de cartões disponíveis em algumas das principais lojas do Brasil.

Rio de Janeiro: a cidade maravilhosa

Cidade Maravilhosa: Rio - Imagem 2 do softwareMais do que carregar o título pelo qual o Rio de Janeiro é conhecido, o título recria com competência vários pontos turísticos da capital. Entre as opções disponíveis para construção estão símbolos como o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor e o Estádio do Maracanã, que servem para dar uma cara mais familiar ao jogo – além de atrair uma grande quantidade de visitantes para a cidade.

Outro aspecto em que Cidade Maravilhosa: Rio se destaca é sua produção sonora. Apesar de os efeitos disponíveis serem os mesmos de outros jogos da companhia produtora, a trilha é constituída por um samba tipicamente brasileiro.

Prefeitura competente

Além de construir casas, responsáveis por aumentar a população da região, cada usuário é responsável por montar a estrutura de lojas de sua cidade. Entre as opções disponíveis estão mercearias, mercadinhos e barracas de suco que ajudam a satisfazer as necessidades de cada morador.

Cidade Maravilhosa: Rio - Imagem 3 do software

Toda a infraestrutura da cidade funciona de forma interligada, o que obriga o jogador a ficar atento a diversos aspectos da produção. Caso não haja fazendas suficientes, a tendência é que faltem produtos nos mercados. Da mesma forma, esquecer-se de coletar os lucros dos lojistas e os aluguéis da região significa menos dinheiro para investir nas diversas melhorias disponíveis.

Cidade Maravilhosa: Rio - Imagem 4 do software

Nos momentos em que não é possível investir em novas construções, o jogador pode gastar tempo enfeitando as ruas da região. Investir em postes de luz, cabines telefônicas, árvores e bancos públicos não só garante uma cidade mais bonita, como aumenta a produção de construções importantes – cada item adicionado melhora em 1% a produtividade dos prédios próximos.

Chame seus amigos

Além de gerenciar cidades próprias, os jogadores de Cidade Maravilhosa podem fazer uma visita aos locais administrados por seus amigos na rede social. Além de coletar recursos para outras pessoas nos momentos em que elas estão ausentes, com isso o usuário também garante mais itens, experiência e energia para usar em sua própria cidade.

Nossa Opinião sobre o Cidade Maravilhosa: Rio

Quem já está cansado de cuidar de fazendas ou criar peixes acaba de ganhar um novo motivo para gastar várias horas no Orkut. Cidade Maravilhosa: Rio reúne as melhores características de jogos como The Sims, Sim City e Rollescoaster Tycoon para oferecer uma experiência muito atrativa, devido à grande quantidade de opções disponíveis.

A principal vantagem do título, sem nenhuma dúvida, é a ambientação. Usar o Rio de Janeiro como cenário garante uma familiarização imediata dos jogadores que moram no Brasil. Uma tradução competente, aliada a uma trilha sonora bastante familiar, fazem com que seja difícil não se encantar com o título.

O nível de personalização é muito grande, garantindo que nenhuma cidade será exatamente igual à outra, mesmo exibindo os mesmos monumentos. A jogabilidade também se destaca devido aos controles descomplicados e a um sistema de missões que ensina todas as etapas para obter o sucesso desejado.

Tudo isso faz com que Cidade Maravilhosa: Rio seja um dos melhores jogos disponíveis para redes sociais atualmente. Por isso, não espere mais: chame sua equipe de engenheiros e mãos à obra para começar a construir o Rio de Janeiro de seus sonhos.

Prós & Contras

Prós

  • Ambientação convincente
  • Totalmente em português
  • Jogabilidade simples
  • Grande quantidade de objetivos
  • Favorece a cooperação

Contras

  • Não encontramos pontos negativos.

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Cidade Maravilhosa: Rio

+43 Avaliações
  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação