Logo Planet Calypso Ícone

Planet Calypso

Grátis
5.96 GB
Funciona em: Windows
XP/Vista/7/8
Adicionado em : 06/01/2011 Mindark | Pe
Baixar Grátis Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie!
+19 Avaliações
  • Foto de Max Lexandre
    Max Lexandre 22 de julho de 2011 - 16:59
    10
    Nota Excelente!
    Parem de dar notas negativas só porque não têm um PC bom o suficiente para correr este Mundo Virtual. A culpa não é deles, dai eu classificaria isso como má nota de vingança pois não faz sentido se nem chegaram a jogar. Enfim eu jogo faz 4 anos e adoro a enorme evolução do Entropia.
  • Foto de julio cesar
    julio cesar 9 de janeiro de 2011 - 20:32
    2
    Nota Ruim!
    a mesma coisa que rf online pelas analises do baixaki. mas deve valer a pena se voce tiver uma internet absuramente rapida ou um otimo acelerador de download e tiver uma maquina filhya da ##*%@ para poder jogar isso

Descrição

Allan Valin Ribeiro da Fonseca
Evite a extinção da raça humana ao ajudá-la a conter a invasão de robôs alienígenas no planeta-colônia Calypso

Planet Calypso é um jogo que faz parte do Entropia Universe e que possui economia real: o dinheiro adquirido no MMO é convertido em dólares estadunidenses (quase o dobro do real brasileiro). Sua história conta a verdadeira odisseia da humanidade em busca de planetas habitáveis – após a Terra ter sido praticamente devastada por guerras e pela falta de recursos naturais. Para jogar é preciso uma conta, clique aqui para se cadastrar.

Como tudo começou

A raça humana começou a sentir a falta de recursos naturais para sobreviver e geriu várias guerras entre si até perceber que isso não os traria de volta. Uma terrível luta contra a natureza foi travada, mas sem nenhum sucesso. Como última esperança, foi iniciada a campanha espacial em busca de minérios de outros planetas.

As aventuras espaciais dos humanos encontraram diversos pontos do sistema solar onde era possível extrair materiais úteis para a Terra, porém, as tecnologias existentes ainda eram muito obsoletas para manter esse projeto de expansão interplanetária. Então, graças à computação quântica, uma nova forma de Inteligência Artificial (I.A.) autônoma foi desenvolvida.

No início, seres humanos e robóticos viviam pacificamente por dependerem uns dos outros. Com a evolução da I.A., tecnologias mais poderosas foram desenvolvidas e o conhecimento do genoma foi dominado. Isso possibilitou que a o conceito de “raça” fosse alterado, pois as várias colônias da Terra espalhadas pelo sistema solar começaram a dar origem a formas “evoluídas” do homo sapiens sapiens até então conhecido.

Dessa forma, mesmo com tonalidades de pele ou formato dos olhos diferentes, agora o termo “raça” passara a definir as diferentes formas dos humanos adaptados aos planetas, asteroides ou estações espaciais em que viviam.

Criação do personagem

Um novo passo da expansão

Já não havia mais qualquer lugar habitável no sistema solar da Terra e era praticamente impossível ultrapassar as fronteiras da via láctea sem romper a barreira da velocidade da luz. Mais uma vez, os robôs salvaram a humanidade com a invenção de várias tecnologias que, em conjunto, eram capazes de gerar tanta energia que explorar o universo inteiro se tornou possível.

Para isso, o projeto Odisseu elaborou naus titânicas e as enviou para explorar o universo. Uma delas, em especial, encontrou um planeta com condições de vida extremamente favoráveis, perfeito para a raça humana se mudar e deixar a Terra para trás. No entanto, sete anos se passaram com a nave na órbita do planeta sem enviar resposta ao centro de operações.

Finalmente, parte dos humanos e robôs dela foi deixada no planeta, enquanto a nave continuava sua odisseia até os confins do universo – devido ao acontecimento similar ao da mitologia grega, esse planeta foi batizado de Calypso.

Primeiros NPCs

O Êxodo

Centenas de anos se passaram desde o início da exploração espacial e dois novos projetos foram criados com o início da colonização de Calypso: Êxodo e Prometeu. O primeiro começou a migração de 9 milhões de seres humanos para habitar o planeta e o outro para procurar o paradeiro das naves do projeto Odisseu.

Não muito longe de Calypso, uma das naves do projeto Prometeu encontrou dois planetas decaídos, próximos a um sol vermelho quase morto. Em um deles foi encontrada “vida”: a I.A. usada nos robôs das naves do projeto Odisseu evoluiu absurdamente, a ponto de criar sua própria sociedade – totalmente livre do comando humano.

Combate

A revolta dos robôs

Cientes dos visitantes, os robôs começaram um ataque fulminante. Contudo, ele não aconteceu somente contra a nave de patrulha, mas também de forma inesperada: todos os robôs deixados para trás em Calypso se revoltaram a começaram a matar todos os humanos que encontravam.

Não demorou muito e naves utilizando tecnologias nunca antes vistas apareceram para invadir e tomar Calypso. O governo da Terra tomou conhecimento disso e mandou reforços para repelir os ataques, que foram resistidos com muita dificuldade.

Essa verdadeira guerra ainda estava longe do fim, porém já causara consequências pesadas aos humanos: muitas empresas faliram e a economia entrou em colapso. Apesar disso, a partir dos restos de robôs derrotados, os humanos conseguiram usar engenharia reversa para entender e copiar as tecnologias inimigas.

Manufatura

Onde você entra na história

Após a contensão da primeira leva de ataques dos robôs, quebra da economia e aquisição de novas tecnologias bélicas, não sobrou muitas opções de sobrevivência em Calypso. Por exemplo, no início,  você pode se tornar um comerciante, caçador ou minerador – todavia, as opções são diversas e várias profissões aparecem conforme você descobre o jogo.

Quando você começa sua aventura, não há nenhum tutorial automático que o ensine como a jogabilidade funciona. Também não há qualquer objetivo logo no início, mas como as opções são poucas e você é obrigado a fazer algo, as primeiras missões dadas pelos NPCs servem para aprender como funcionam as três primeiras profissões e sobre a história do jogo.

Habilidades

Depois de decidir a aparência de seu personagem, ele aparece na pista de pouso de naves. O único local para onde é possível ir é um edifício. Logo na entrada, há três atendentes que encaminham você para os professores de caça, mineração e manufatura.

Para caçar, é necessário ter uma arma, a qual é dada para que as missões do tutorial sejam cumpridas. Todas envolvem matar uma espécie específica de monstro e voltar vivo ao professor. Caçar e minerar são profissões de coleta, sem elas, não é possível manufaturar qualquer coisa – essa profissão usa os materiais adquiridos por meio das outras.

Para minerar, basta equipar um sensor e, caso algo seja encontrado, usar bombas para pegar os minérios. Depois disso, você usa uma máquina para transformá-los em barras. O mesmo acontece com a manufatura, pois ao acessar o computador com seu manual de “receitas”, basta inserir os componentes exigidos e esperar o processo acabar.

Missão

Combate e habilidades

Em Planet Calypso existe uma gama enorme de habilidades para treinar. Diferente do que ocorre em outros jogos, você não precisa aumentar seu nível ou ganhar experiência para adquirir pontos de habilidade.

Em vez disso, basta realizar ações que as envolvam para elas aumentarem proporcionalmente. Por exemplo, enquanto você está caçando, é possível aumentar a habilidades Prontidão, Velocidade, Precisão e Armas de fogo – a primeira aumenta caso você mova a câmera com frequência para encontrar monstros, a segunda melhora quando você corre e, as duas outras, quanto mais você atira.

Para interagir com NPCs ou outros jogadores, clique duas vezes com o botão esquerdo ou uma vez com o direito para visualizar as opções possíveis. Tanto para caçar quanto para realizar outras ações que requeiram ferramentas específicas, é necessário equipar o item certo – abra o inventário e selecione “Equip”. Há também como acoplar melhorias em armas e definir qual munição utilizar para deixá-las mais eficientes em situações específicas.

Passeio noturno

Ambiente

Ao interagir com outros jogadores, há uma quantidade enorme de expressões (“Emotes”) disponíveis, por exemplo: dançar, chorar, rir, etc. Manter uma boa relação com quem você encontra é uma boa opção, pois nunca se sabe quando os outros precisarão comprar um item que você possui.

Como o planeta Calypso é muito grande, andar à pé nem sempre é uma opção. Por isso, existem veículos que você pode comprar para se locomover entre curtas distâncias com facilidade. No entanto, é muito mais prático utilizar o sistema de teletransporte para viajar grandes distâncias automaticamente – outras localidades ficam disponíveis conforme você completa missões.

Comandos

  • Teclas W, A, S, D, Z e C: movimentação;
  • Tecla Q: faz o personagem correr;
  • Tecla E: pulo;
  • Tecla I: inventário;
  • Tecla M: mapa;
  • Clique esquerdo: uma vez seleciona, duas vezes interage (ataca monstros);
  • Clique direito: abre o menu de opções (segure para alterar a direção do personagem);
  • Clique central: segure o botão do meio (ou “rodinha”) para mudar o ângulo da câmera sem mudar a direção para a qual o personagem está andando;
  • Esc: abre o menu principal do jogo.

Nossa Opinião sobre o Planet Calypso

Os gráficos de Planet Calypso em sua qualidade máxima deixam um pouco a desejar em relação aos personagens e NPCs, porém são excelentes na parte dos cenários. O grau de detalhes dele é tão grande que há diferenciação de iluminação entre dia e noite e, além disso, as plantas pelas quais você passa se movem conforme o personagem passa por suas folhas.

As músicas são tocadas frequentemente e você quase nunca ficará sem escutar algum tipo de som – o mesmo acontece com os sons do ambiente, seja em relação a tiros ou passos –, o que é excelente. Contudo, talvez elas não agradem a todos os jogadores, pois são bastante ecléticas, isto é, variam entre, rock, pop, rap, clássica e tribal.

Planet Calypso faz parte do Projeto Entropia: vários planetas do mesmo universo apresentam diferentes graus de desenvolvimento, porém suas histórias começam da mesma forma. Falando nisso, a história de Calypso é grande e complexa, ideal para jogadores que não gostam de games do tipo hack’n’slash.

Apesar da história bem elaborada, o jogo começa de maneira confusa e você é obrigado a aprender quase tudo sozinho. Há tutoriais para ajudá-lo, porém eles não aparecem automaticamente: é preciso encontrá-los na interface do jogo. Dessa forma, o primeiro desafio é aprender a se movimentar, o segundo é entender como interagir com os NPCs. Depois disso, basta aceitar missões para começar a trilhar seu caminho em Planet Calypso.

O sistema de habilidades lembra jogos de RPG de mesa, com a diferença de que em vez de haver pontos definidos para distribuir entre elas, basta usá-las para que melhorem automaticamente. A movimentação é difícil de ser dominada e isso dificulta os combates, porém, após algumas horas de jogo você não terá mais problemas.

Planet Calypso apresenta detalhes riquíssimos em diversas áreas, o que o torna extremamente interessante e, em certa medida, desafiador. Porém, a falta de objetivos logo no início pode fazer alguns jogadores desanimarem. Entretanto, quem perseverar e achar um bom negócio para conduzir, poderá receber dinheiro de verdade em sua conta – em teoria.

Prós & Contras

Prós

  • Gráficos detalhados
  • Trilha sonora bem feita
  • Dinheiro de verdade

Contras

  • Muitos comandos
  • Objetivos vagos

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Planet Calypso

+19 Avaliações
  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação