Logo Priston Tale 2: The Second Enigma Ícone

Priston Tale 2: The Second Enigma

Versão 2.2.4 Grátis
2.48 GB
Funciona em: Windows
XP/Vista/7/2000/8
Atualizado em : 02/05/2012 Yedang Online Corporation
Baixar Grátis Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie!
+289 Avaliações
  • Foto de henrique
    henrique 3 de março de 2015 - 16:54
    10
    Nota Excelente!
    o jogo voltou com server brasileiro porem é preciso baixar e se cadastrar no novo site, esta em versão open beta ainda, e a maioria dos bugs estão sendo corrigidos (principalmente os bugs da versão antiga)
  • Foto de mauricio
    mauricio 6 de maio de 2012 - 23:42
    2
    Nota Ruim!
    ouvi mto falar desse jogo, mais baixei e é uma decepção como Perfect World, graficos horriveis, personagens tudo iguais, jogabilidade ridicula, Perfect World é a mesma porcaria!os que falam que o grafico é ótimo é pq nunca jogaram DC Universe, Crisys 2.... -.-"

Descrição

Allan Valin
Mergulhe em um mundo de seres mágicos, cheio de ação e combates sangrentos, neste MMO totalmente gratuito

Priston Tale 2 é um MMORPG que dá continuidade ao famoso Priston Tale – concorrente direto de Ragnarok Online por muito tempo. A principal mudança entre as versões não é marcada apenas pela melhoria nos gráficos (os personagens deixaram de ser infantis e agora parecem adultos), mas também pelo acréscimo de séculos entre as histórias de ambos.

Em sua última atualização, The Second Enigma, Priston Tale 2 recebeu várias correções em bugs pequenos, no entanto, a principal novidade é adição de uma nova área a ser explorada: Desert of Frontier. Também foi adicionado um cronômetro que aparece quando seu personagem entra em zonas PvP e, além disso, os pontos de habilidades de todos os personagens foram zerados – permitindo sua redistribuição gratuita.

(É necessário criar uma conta no site do desenvolvedor para jogar, clique aqui para acessá-lo.)

Ligação com o primeiro título

No início dos tempos, havia dezenas de deuses governando o mundo, porém alguns possuíam mais poder e influência mais abrangente. Devido a isso, Midranda se aliou a Majok e começou uma guerra contra os demais deuses. O embate devastou o continente de Priston e amaldiçoou vários locais. Ao final do combate, Majok foi exilada e Midranda foi aprisionada no Enigma.

Babel, um dos generais do exército de Midranda, conseguiu fugir quando percebeu a derrota iminente. Com o passar do tempo, os habitantes de Priston que sobreviveram à guerra formaram duas tribos, Morion e Tempskron: a primeira especializada no uso de magia; a segunda, com forte tradição nas artes militares.

Cada uma construiu sua própria cidade, uma no norte e a outra ao sul. Contudo, devido a ataques de Babel, que retornara, as tribos formaram uma aliança para trocar tecnologias e métodos de combate. A partir desse acordo, foi construída uma cidade para treinar guerreiros de ambas as tribos, localizada no ponto médio entre as duas.

Apesar dos esforços de Babel, a aliança se mostrou muito forte para ser vencida facilmente.

Um novo começo

Tempos depois, o Senhor das Trevas quebrou o selo que o mantinha preso ao Templo Senith. Sabendo disso, os deuses mandam Religan com um contingente de guerreiros para combater Valento. O combate é intenso, mas todos acabam derrotados pelo Senhor das Trevas. Como resultado da batalha, um demônio de Midranda que estava adormecido é despertado.

Batalha

Graças a isso, a deusa aprisionada no Enigma volta a influenciar as forças do mal. Midranda não está para brincadeira e realmente pretende destruir o continente de Priston. Como herói das tribos locais, sua missão é buscar e encontrar o Segundo Enigma: a única maneira para derrotar a deusa e alcançar, definitivamente, a paz.

Tribos e classes

Apesar de uma delas não ter sido citada na história, há três tribos existentes em Priston Tale 2: Morion, Tempskron e Sophetio. Esta foi criada pelos demônios de Midranda e é capaz de manipular o poder das trevas. Cada tribo apresenta duas classes iniciais, totalizando seis. Entretanto, todas possuem especializações específicas, gerando 35 subprofissões diferentes.

As classes disponíveis variam conforme a tribo e de acordo com a função na batalha: magia, dano à distância, suporte e combate corpo a corpo – além disso, também há a distinção entre especializações defensivas, ofensivas e mistas. Entretanto, nem todas possibilitam a escolha de sexo do personagem, ou seja, algumas são exclusivamente masculinas ou femininas.

Um Morion pode virar Knight (corpo a corpo) ou Disciple (magia). Um Tempskron se torna Fighter (corpo a corpo, personagens masculinos) ou Huntress (dano à distância, personagens femininos). Um Sophetio, por sua vez, pode ser Rogue (corpo a corpo ou dano à distância, depende da subprofissão) ou Pilgrim (magia).

Árvore de classes

Combate intenso

Apesar da aliança entre as duas principais tribos, há regiões específicas do continente em que a disputa entre jogadores (PvP) é permitida – estas são indicadas pela coloração avermelhada no mapa. Antes de passar por elas, uma boa ideia é ter se preparado para a viagem. Boa parte da preparação se resume a investir na melhoria dos itens equipados.

Há três alternativas para melhorar seus itens: Crafting, Aging e Specialization – em outras palavras, criá-lo, amadurecê-lo e especializá-lo. Os sistemas mencionados servem para aumentar atributos do seu equipamento de maneira específica ou aleatória. Além disso, também é necessário juntar materiais para realizar essas alterações.

Outras duas possibilidades para ganhar vantagem na luta contra outros jogadores é por meio de Force Orbs e Pets. Em ambos os casos são concedidas melhorias temporárias aos atributos do personagem (a diferença é que o primeiro é uma esfera de energia e o outro é um animal de estimação).

Comandos

  • Teclas Q, W, E, A, S e D: movimentação;
  • Barra de espaço: pulo;
  • Tecla R: visão traseira;
  • Teclas de 1 a “=”: atalhos;
  • Tecla de F1 a F12: mais atalhos;
  • Tab: selecione um NPC próximo;
  • Clique esquerdo: movimentação e ataque;
  • Clique direito: altera a câmera;
  • Esc: abre o menu.

Nossa Opinião sobre o Priston Tale 2: The Second Enigma

Os gráficos de Priston Tale 2 são excelentes, principalmente quando comparados com seu antecessor: as texturas apresentam poucas marcas de serrilhado, os efeitos de sombra são aplicados nos lugares certos e a resolução geral dos cenários é muito boa. Contudo, mesmo com o traçado realista dos personagens, ainda falta expressão em seus rostos apáticos.

Os efeitos sonoros são condizentes com os acontecimentos e não acontecem em excesso, algo ideal para não causar poluição sonora. As músicas, por sua vez, são de excelente qualidade (geralmente orquestradas), porém não existem em muitos cenários – são tocadas principalmente em cidades.

Sua jogabilidade é boa, pois responde bem aos comandos e não há atrasos. Além disso, o principal destaque dela fica por conta da função “autocorrer”, muito útil na maioria das situações do jogo. A história de Priston Tale 2, no entanto, não é apresentada de maneira alguma ao jogador, nem mesmo nas missões: ou seja, enquanto estas são irrelevantes no início, é preciso muito empenho para saber quais o destino do seu personagem.

Finalmente, a instalação do jogo é muito demorada e requer bastante paciência. Já não bastasse ser necessário baixar 2,6 GB, ainda é preciso esperar a extração do arquivo, sua instalação e atualização – isso, claro, se o instalador abrir. Em suma, é possível perder uma hora para começar a jogar após o término do download.

Prós & Contras

Prós

  • Gráficos excelentes
  • Boa jogabilidade
  • Músicas ótimas

Contras

  • Instalação extremamente demorada e pesada
  • Cidades cheias causam lag
  • Tutorial com problemas
  • A história não é apresentada ao jogador

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Priston Tale 2: The Second Enigma

+289 Avaliações
  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação