Logo Brave Striker - Fun JRPG Style Battle Adventure Games from Japan Ícone

Brave Striker - Fun JRPG Style Battle Adventure Games from Japan

Versão 1.1.7 Grátis
45.61 MB
Funciona em: iPhone
iPhone/iPod Touch/iPad
Adicionado em : 05/12/2014 Fun Grip Games
Baixar Grátis Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie! +0 Avaliações - Seja o primeiro a avaliar o produto!

Descrição

Bruno Oliniski
Faça força e arremesse seus aliados pelo cenário para acabar com o mal em Brave Striker

Misturando elementos de RPGs tradicionais e um sistema de batalha criativo e com muita ação, Brave Striker chega para os celulares oferecendo um game online que promete diversão e bom humor. Você deve enfrentar diversas missões e usar as habilidades de seus companheiros para vencer batalhas contra monstros e chefões.

O mundo do jogo está em constante conflito, principalmente por causa de um local misterioso conhecido como “Abyss”, que, na verdade, é um portal para uma dimensão sombria. Maou, um poderoso demônio, conseguiu quebrar o selo imposto pelos deuses e espalhou seus exércitos para levar à frente um plano de dominação mundial. 

Brave Striker - Fun JRPG Style Battle Adventure Games from Japan - Imagem 1 do software  Brave Striker - Fun JRPG Style Battle Adventure Games from Japan - Imagem 2 do software

Desta vez, você é o escolhido para deter o mal e purificar as terras de Brave Striker. O game usa combates que podem ser resolvidos com poucos toques na tela: basta puxar e arrastar o aliado à sua escolha para pode ganhar impulso, mirar e, então, soltar, para fazer o maior estrago no campo de batalha. Cada companheiro tem habilidades específicas e, ao entrar em contato com inimigos ou outros membros do grupo, podem iniciar combos poderosos.

Brave Striker conta ainda com sistema de evolução e fusão para formar criaturas ainda melhores para seu time. O jogo necessita de conexão constante com a internet e possui opções de microtransações, nas quais dinheiro real pode ser usado para convocar aliados mais fortes ou participar de eventos exclusivos.

Nossa Opinião sobre o Brave Striker - Fun JRPG Style Battle Adventure Games from Japan

Com um sistema de batalha ativo e empolgante, Brave Striker é um misto de aventura e RPG. O game vai te colocar cara a cara com diversos tipos de inimigos para que você possa livrar o mundo de fantasia de um antigo mal que ressurgiu para conquistar o planeta. Depois de os céus terem enviado diversos heróis para vencer as forças do demônio Maou, agora é vez de você e seus companheiros acabarem com a festa dos monstros.

O jogo da Fun Grip Games demonstra suas intenções logo que é aberto pela primeira vez. Não pule a abertura do jogo! Ela é toda feita em um estilo mangá e conta com pequenas animações acompanhadas de narrações – em inglês – que contam, de forma hilariante, como aconteceu o rompimento do selo do “Abyss” e os altos e baixos das forças do mal, sempre rebatidas por heróis da luz.

Sua jornada começa com o personagem recobrando os sentidos, recém-chegado ao mundo. Durante a sequência de ventos iniciais, você deve escolher um companheiro que vai te ajudar pelo resto do jogo, chefiando seu grupo em campo de batalha. São três opções de escolha: a arisca Ruby, a reservada Sapphire ou a sempre alegre Emerald – sim, nós também lembramos de monstrinhos de bolso.

Arrastar e soltar

Para avançar nas missões é preciso configurar seu grupo e escolher as opções disponíveis no mapa. Cada uma delas exige um gasto em SP, que é a mana de seu personagem, e, quando você zerar seus pontos de magia, precisa esperar para poder jogar de novo. As primeiras quests gastam de 5 a 7 pontos de SP, por exemplo, e você regenera 1 ponto a cada três minutos.

Os combates são ágeis e empolgam durante todo o tempo. Basta tocar e puxar para trás a criatura do seu grupo que estiver ativa no turno para ganhar força – como em carrinhos de fricção ou em jogos de bilhar –, mirar na direção dos oponentes e tentar atingir o maior número deles possível.

O processo é bastante intuitivo e os primeiros oponentes são bem fáceis, permitindo que você exercite um pouco antes de avançar para missões mais complexas. Além disso, é possível rebater nas laterais para maximizar o efeito da habilidade da unidade que está atacando e tocar em aliados para desbloquear efeitos passivos deles.

Para os chefões das fases, o jogador pode acertá-lo múltiplas vezes até acabar com seus pontos de vida ou ficar bom o suficiente para conseguir acertar um pequeno ponto fraco, que detona de uma só vez o monstrengo. O ponto contra do sistema de combate é que, quando seus companheiros estão nas laterais da tela, fica difícil conseguir juntar muita força ou mirar direito, por causa do espaço reduzido.

Produção boa, mas pesada

Brave Striker esbanja qualidade e isso fica aparente logo no início, com uma música de fundo empolgante que remete aos jogos tradicionais de RPG. Os sons de ataques e menus deixam uma sensação nostálgica no ar, sendo bastante parecidos com os usados nos jogos da era 16-bits.

O tratamento visual é muito bom, principalmente nas figuras maiores que aparecem durante os diálogos, que parecem saídas diretamente de animações japonesas. Os gráficos bem coloridos tornam facilmente reconhecíveis cada um dos membros do seu grupo durante as batalhas, facilitando a criação de estratégias mesmo com diversos inimigos na tela.

Tanto o design dos personagens como o dos monstros tem bastante personalidade, e só é uma pena que fiquem muito reduzidos quando o game é jogado em celulares com telas menores do que 4,5 polegadas.

Porém, toda essa qualidade vem com um preço: o jogo pode ser bastante pesado em aparelhos mais modestos. Os efeitos especiais constantes e as animações velozes para ataque e movimentação dos personagens no campo de batalha fazem com que algumas lutas e menus possam ficar bastante travados – a música chega inclusive a “pipocar” em alguns momentos.

Parte da culpa também pode estar no fato de haver uma certa quantidade de transferência de dados online a todo momento. Isso acaba sendo frustrante durante telas de loading que estampam “Connecting...” na tela e atrasam o avanço nas missões.

Conteúdo extra

Assim como outros jogos do estilo, Brave Striker possuiu um sistema de microtransações para adquirir moedas do game. Diversos pacotes de gemas podem ser comprados com dinheiro real e servem para diversas ações in-game.

É possível conseguir ingressos para eventos e missões exclusivas, desbloquear habilidades especiais para seus companheiros, contratar aliados poderosos para serem usados em combate ou, ainda, encher novamente sua barra de SP, permitindo que você possa voltar aos campos de batalha sem precisar esperar.

Apesar disso, é preciso jogar e lutar bastante para angariar novos personagens. Os monstrinhos adicionais podem ser evoluídos separadamente ou se juntarem em uma fusão que os transforma em um único aliado mais poderoso.

O game é bastante divertido, e, se você não se importa em esperar um pouco para jogar depois de zerar seus pontos de mana, vai acabar se viciando com a história bem-humorada e o sistema de batalha criativo. Não se surpreenda se todo mundo olhar para o seu lado enquanto estiver jogando: provavelmente você está fazendo movimentos esquisitos para acertar aquele monstro que sobrou bem na ponta do cenário.

Prós & Contras

Prós

  • Músicas empolgantes
  • Efeitos sonoros clássicos
  • Visual bonito
  • Sistema de batalha viciante
  • História bem-humorada

Contras

  • Necessário estar sempre online
  • Microtransações desbalanceiam partes do game
  • Somente em inglês

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Brave Striker - Fun JRPG Style Battle Adventure Games from Japan

  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação