Logo BeatBox Ícone

BeatBox

Versão Beta Grátis
305 KB
Funciona em: Linux
X11/KDE/Gnome
Adicionado em : 22/09/2011 Scott Ringwelski
Baixar Grátis Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie! +0 Avaliações - Seja o primeiro a avaliar o produto!

Descrição

Elaine Martins
Player de música com interface e funcionalidade muito semelhantes ao iTunes

O BeatBox é um reprodutor de música leve e simples que apresenta interface e funcionalidades muito semelhantes ao jukebox da Apple, o iTunes. Desenvolvido em Vala, o player possui integração com o LastFM e permite a criação de playlists inteligentes.

Instalação e dependências

Para que o BeatBox funcione sem problemas o usuário precisa ter instalado no computador o pacote libsqlheavy, o qual pode ser encontrado nas versões 32 e 64 bits. Depois que as dependências forem resolvidas, você já pode dar início ao processo de instalação do BeatBox.

Interface da aplicação

O arquivo baixado é, na verdade, um pacote DEB. Ele contém todas as instruções necessárias para que a instalação do aplicativo seja feita sem problemas. Tudo o que o usuário preciso fazer é abrir o arquivo com o gerenciador preferido e deixar que o sistema faça todo o trabalho.

Playlists e informações

Uma característica interessante do BeatBox é que o usuário pode criar playlists repletas de informações a respeito dos arquivos que ela contém, tais como nome da música, álbum e artista, data, gênero, comentários e ano. Tudo isso é feito rapidamente através das opções presentes na interface do aplicativo.

Os dados a respeito dos arquivos também podem ser facilmente editados, uma vez que o BeatBox conta com um editor de TAGs. Além disso, a arte dos álbuns e músicas pode ser facilmente adicionada com um simples arrastar e soltar (drag and drop).

Editando as informações dos arquivos

Biblioteca e similares

Ao executar o aplicativo pela primeira vez o usuário deve selecionar a pasta na qual os arquivos de áudio se encontram. A importação das músicas para a biblioteca pode demorar um pouco, dependendo da quantidade de arquivos presentes no diretório.

As músicas são classificadas de acordo com o gênero presente em suas informações e o BeatBox sugere canções similares àquela que está sendo executada. Dessa forma, fica mais simples para o usuário encontrar outras melodias que o agradam em meio às centenas de arquivos.

Editando as preferências do sistema

Podcasts

Assim como a maioria dos players de música, o BeatBox oferece a opção de inscrição em podcasts. Os novos episódios são baixados automaticamente e o usuário recebe uma notificação quando as novidades estiverem prontas para serem ouvidas.

Nossa Opinião sobre o BeatBox

Embora lembre um pouco iTunes, o BeatBox tem algumas vantagens em relação ao player da Apple. Para começar, ele ocupa pouco espaço em disco. Além disso, o programa não exige quase nada do processador quando está em execução, exceto durante a importação dos arquivos para a biblioteca.

A interface do BeatBox é bem simples e organizada, com todas as principais funcionalidades dispostas em barras de ferramentas e bem ao alcance do mouse. Infelizmente a aplicação não possui tradução para o português, o que dificulta um pouco o seu uso. Isso, no entanto, não diminui em nada a praticidade oferecida pelo player.

O editor de TAGs funciona perfeitamente, bem como o resto da aplicação. Durante os testes não ocorreram erros inesperados ou travamentos, o que mostra que o BeatBox é bem estável e pode ser utilizado sem medo, mesmo estando em fase Beta.

Prós & Contras

Prós

  • Fácil de instalar
  • Ocupa pouco espaço em disco
  • Interface agradável e didática

Contras

  • Não possui tradução para o português

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o BeatBox

  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação