Logo Beatbuddy: Tale of the Guardians Ícone

Beatbuddy: Tale of the Guardians

Versão DEMO Grátis para testar
252.54 MB
Funciona em: Mac
OS X
Adicionado em : 30/08/2013 Threaks GmbH.
Baixar Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie! +0 Avaliações - Seja o primeiro a avaliar o produto!

Descrição

Luccas Monteiro
Interaja com a música e avance pelas coloridas fases para salvar o mundo de Symphonia

Em Beatbuddy: Tale of the Guardians, você vai controlar Beatbuddy, um dos três seres etéreos que são responsáveis por toda a música que nutre o mundo de Symphonia. Junto com suas irmãs Melody e Harmony, o simpático ser azul permanece adormecido mantendo a ordem das batidas musicais até o dia em que Prince Maestro resolve capturar os três guardiões para dominar o mundo.

Agora desperto, Beatbuddy precisa viajar por seis coloridas fases para se reunir às suas companheiras e salvar sua imortalidade, tudo isso junto com seu divertido acompanhante, Clef. O guardião azul interage com o ambiente vivo, que pulsa ao som da trilha sonora e o propulsiona para que destrave novos caminhos e solucione os quebra-cabeças.

Você explora o ambiente sonoro e pode mixar a música enquanto avança, criando uma experiência sinergética que proporciona um passatempo de ação e aventura no estilo plataforma com um toque sonoro. Se você é um apreciador de jogos indie casuais, de experiências interativas ou de boa música, esta pode ser uma boa opção. Beatbuddy: Tale of the Guardians está disponível via Steam (caso não saiba usar essa ferramenta, clique aqui para aprender).

Reconhecimento

O game conta com cenários montados a partir de sprites 2D coloridos à mão e foi apoiado por grandes nomes do mundo musical e dos jogos. As trilhas sonoras que dão ritmo e vida às fases são criação de personalidades como Austin Wintory (de Journey, para PS3), Sabrepulse (de Chime, também para o console da Sony), Parov Stelar e La Rochelle Band. Já o roteiro do jogo foi escrito por Rhianna Pratchett, de Mirror’s Edge e Tomb Raider.

Beatbuddy: Tale of the Guardians - Imagem 1 do software

A versão pré-alfa de Beatbuddy: Tale of the Guardians ficou em primeiro lugar nas categorias de Melhor Arte e Melhor Som do prêmio Intel Level Up de 2012, além de também vencer o Music Works do ano anterior e aparecer entre os finalistas e menções honrosas de uma série de outras premiações.

Comandos

  • Setas: movem o personagem;
  • Barra de espaço (apertar): faz Beatbuddy dar um impulso na direção em que está avançando;
  • Barra de espaço (segurar): acelera a velocidade de movimentação do guardião azul;
  • Tecla V: ataque;
  • Tecla F: agarra objetos.

Nossa Opinião sobre o Beatbuddy: Tale of the Guardians

Se você é um dos inúmeros fãs do aclamado Rayman Origins, Beatbuddy: Tale of the Guardians vai te passar uma divertida sensação de déjà vu. Seja no visual caprichosamente trabalhado e colorido, na boa trilha sonora ou na interação entre ambos os elementos e a jogabilidade, tudo no game faz lembrar a obra da Ubisoft.

Isso, no entanto, não é uma coisa ruim, já que ambos os games são aclamados pela crítica e mantêm suas próprias características. Enquanto os sons dão ritmo e animação ao universo de Rayman, em Beatbuddy a música significa a vida do mundo, mantendo uma relação bem mais estreita e com um significado distinto.

No trecho coberto pela demonstração, pudemos testar as principais mecânicas do jogo, como a interação com elementos do cenário, os puzzles e o controle dos veículos especiais – os Beatbuggys –, que respondem bem aos comandos e permitem uma jogabilidade fluida.

Os quebra-cabeças possuem conceitos iniciais simples, como desviar de objetos que obstruem o caminho e usar o timing musical para avançar por trechos perigosos, mas vão se tornando cada vez mais elaborados conforme você prossegue na história, podendo proporcionar um bom nível de desafio. Vale a pena conferir.

Prós & Contras

Prós

  • Cenários bem trabalhados
  • Jogabilidade simples e divertida
  • Interação com a trilha sonora premiada

Contras

  • A demonstração é muito curta

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Beatbuddy: Tale of the Guardians

  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação