FIFA 14 DEMO

FIFA 14

DEMO
  • Em Português
  • Gratuito para testar
  • 1,95 GB
  • Para Windows XP/Vista/7/8
  • Adicionado em 10/9/2013
  • Electronic Arts Inc.
  • Baixar
    Gratuito para testar

O árbitro apita e a bola rola em FIFA. Conheça as novidades da versão 14 da franquia

Por Fernando Daquino

Assim como vem acontecendo nos últimos anos, pouco tempo depois da abertura de uma temporada futebolística na Europa (que se inicia no meio do ano), a Electronic Arts lança o novo game da sua franquia de futebol: o FIFA 14.

Como de praxe, a desenvolvedora implementou uma série de melhorias gráficas e de jogabilidade com o intuito de tornar o seu simulador do esporte bretão ainda mais parecido com o que acontece nos gramados reais e promover uma melhor experiência de jogo.

Entre as novidades, os destaques ficam por conta de modificações na forma como os atletas virtuais protegem a bola, como a pelota reage a determinados tipos de chutes, dribles e “botes” mais variados, passes mais precisos e com efeito, além de aperfeiçoamentos na inteligência artificial dos seus jogadores.

Alguns dos modos de jogo, como o “Jogos de Habilidade” e o “Ultimate Team” também apresentam alterações. Amarre suas chuteiras, não se esqueça de aquecer e parta para mais uma temporada na sua carreira como jogador de futebol em FIFA 14.

Requerimento

Para jogar a versão demonstrativa do FIFA 14, você precisa ter o gerenciador de downloads da própria EA, o Origin. Ao pressionar o botão “Clique para Baixar”, você é redirecionado para a página oficial do game. Nela, você deve clicar no link “Experimente FIFA 14 DEMO antes de comprar!”. Feito isso, o aplicativo do Origin deve ser iniciado e uma mensagem é exibida para que você confirme o download. Pressione “Faça o Download Agora” para concretizar a transferência.

O que você vai encontrar na demo

Como de praxe, a versão demonstrativa dos games de futebol (não é uma exclusividade do FIFA é bastante limitada. Nesta edição, você tem a oportunidade de entrar em campo com Milan, Barcelona, Borussia Dortmund, Manchester City, New York Red Bulls, Boca Juniors e Tottenham.

O palco de todos os espetáculos é único: o Camp Nou, o estádio do Barça. Com a proximidade da Copa do Mundo, a bola do evento — batizada de Cafusa — é que conduz os embates entre esses clubes.

As partidas são restringidas a tempos de apenas 3 minutos e, antes do começo de cada uma delas, é possível testar suas habilidades nos desafios oferecidos pela modalidade Jogos de Habilidade (embora esse modo completo não esteja acessível). Os modos de jogo disponíveis são o tradicional Jogo Rápido e o Ultimate Team, ambos apenas com jogos amistosos.

Reforma geral

Ao bater o olho no FIFA 14, você com certeza vai perceber a remodelação de boa parte da sua interface. Desde a sua tela inicial até os menus com as opções de configuração do jogo e a seção com estatísticas e ações possíveis no intervalo de uma partida, tudo passou a ter um visual com mais imagens e menos textos.

Nesse sentido, apenas a estrutura dos menus de gerenciamento da equipe permaneceu praticamente intacta — exceto alterações simples de fonte de texto, ícones e detalhes que formam a lista de jogadores escalados, por exemplo. Assim, nada muda na hora de você selecionar os atletas que formarão o elenco principal, quando precisar fazer uma substituição ou traçar uma estratégia de jogo mais ofensiva.

Explorando seu conhecimento futebolístico

O FIFA 14 implementou mudanças em alguns modos de jogo. Por exemplo, o chamado “Jogos de Habilidade” possui novos desafios (em um deles você assume o papel de goleiro para defender pênaltis) e as categorias presentes na versão passada do jogo tiveram as barreiras modificadas.

O Ultimate Team, modalidade na qual você pode montar o seu time com base em cartas que representam os atletas, é a que teve uma maior quantidade de novidades. O grande destaque, sem dúvida, é o mecanismo que usa atributos específicos de um jogador para complementar o status dos outros.

Nacionalidade, time de origem e clube atual são algumas das características que podem fazer com que o elenco fique mais entrosado, se dedique mais dentro das quatro linhas e tenha um desempenho melhor a cada confronto.

Essa função é indicada por traços coloridos entre as cartas na hora de escalar os titulares. Às vezes, basta uma troca de posição entre dois atletas para que ambos estejam mais empolgados e incentivados para defender o escudo do seu clube.

Jogo cadenciado

Não é de hoje que a EA tenta aproximar cada vez mais a jogabilidade do FIFA com o que realmente ocorre nos gramados fora dos video games. Apesar de não ter implementado mudanças gráficas ou sonoras significativas, nesse sentido a desenvolvedora garantiu algumas novidades.

Entre elas, está o aperfeiçoamento de aplicações físicas na bola e nos jogadores. Com isso, a pelota apresenta reações mais realistas, permitindo chutes com mais efeito. Em contrapartida, dominá-la após um passe longo pode ser um problema.

Por sua vez, os atletas virtuais do FIFA 14 passam a usar melhor o corpo e sua vitalidade para disputar e proteger a bola dos defensores oponentes. Além disso, apesar de a bola estar um pouco mais difícil de ser controlada, os atletas conseguem dar uma continuidade mais dinâmica e aguda para ataques em velocidade, sem ter que necessariamente parar para dominar a bola.

A combinação de todas essas características resulta em um jogo mais cadenciado, que exige menos correria e mais toque de bola. Sair correndo com a pelota pelo campo pode não adiantar para vencer uma partida — é preciso “trabalhar” a bola até encontrar uma brecha na zaga adversária.




Importante

Antes de instalar o " FIFA 14 " você pode criar um ponto de restauração do Windows, assim, se não gostar do programa ou se ele não funcionar corretamente, você pode simplesmente restaurar o sistema para um ponto anterior à instalação do programa.Clique aqui e aprenda a criar um ponto de restauração.

Nossa Opinião

Nossa Opinião Acima você conferiu uma descrição completa sobre o FIFA 14 e suas funcionalidades, saiba agora o que achamos dele

FIFA 14 possui melhorias, mas nada revolucionário ou que deixe os adeptos da franquia de queixo caído — isso a EA está guardando para a nova geração de consoles com a engine gráfica Ignite. Contudo, alguns dos aprimoramentos promovidos são perceptíveis e devem satisfazer, pelo menos, as necessidades básicas dos gamers.

Precisamos salientar também que essa é uma versão demonstrativa, o que significa que aperfeiçoamentos ainda podem ser efetuados, embora tradicionalmente essas mudanças de última hora sejam menos expressivas.

Avanço gráfico comedido

Os trailers do FIFA 14 já mostravam que a companhia não faria grandes mudanças nos gráficos empregados pela sua franquia do esporte bretão. Isso ficou comprovado nesta edição recém-lançada. Se colocarmos lado a lado o FIFA 14 com o seu antecessor, não perceberemos avanços no tocante a composição gráfica de jogadores e elementos dos campos ou dos estádios.

Algumas características dos atletas continuam meio “quadradas” (como seus ombros), o gramado ainda possui um aspecto completamente artificial e a torcida permanece tendo a aparência de placas de papelão. Com um bocado de esforço, é possível enxergar pequenos aperfeiçoamentos em relação à textura de alguns desses elementos. Mas eles são tão suaves que não farão a menor diferença para você enquanto a bola estiver rolando.

Navegação mais dinâmica

A interface do FIFA ganhou mudanças e elas foram para melhor, pois a tornaram mais simples e objetiva — promovendo uma interação mais dinâmica e descomplicada. Você até pode sentir um desconforto e ter uma sensação de estranheza em um primeiro momento. Porém, bastam alguns minutos para estar completamente familiarizado com a nova forma de navegação por seus menus e configurações.

Forte bomba!

Seguindo a mesma linha do seu quesito gráfico, o FIFA 14 aparenta ter raras melhorias sonoras. Resumindo, a grande maioria dos efeitos de áudio usados no FIFA 13 foi reaproveitada nesta edição. Contudo, se você se concentrar um pouco, poderá perceber que há aperfeiçoamentos sutis.

Entre eles, os mais aparentes estão relacionados com os barulhos emitidos pela bola. Quando um atleta acerta um daqueles chutes “na veia”, a pelota não parece mais ter um ruído abafado por um pedaço de pano. Outra situação é quando a bola acerta a trave, que finalmente passa a sensação de ser feita de metal e não de madeira.

Um passo a mais em direção à realidade

Nos primeiros minutos após o apito do árbitro e a autorização do início da partida, você provavelmente perceberá um comportamento diferente da bola. A física aplicada à ela está mais realista, o que pode ser bom para alguns e ruim para outros.

Os chutes ficaram mais precisos e com efeitos de curva mais contundentes — algo importante para quem adora usar o “chute colocado” permitido pelo game. Em contrapartida, a bola está um pouco mais difícil de ser dominada em passes longos. Assim, aqueles lançamentos feitos por zagueiros podem complicar a vida dos atacantes meia-boca.

Essa tendência de realismo também é vista nos jogadores, que usam melhor o corpo para proteger ou disputar a bola com um adversário. Por exemplo, o clássico ombro a ombro está mais útil no FIFA 14 e pode salvar a sua equipe de tomar alguns gols quando bem aplicado.

Esperteza aprimorada

A inteligência artificial também ganhou aprimoramentos, tanto para o setor ofensivo quanto o defensivo dos times. Com certeza, os seus companheiros se posicionam melhor durante a construção das jogadas. Aliadas a isso, as animações dos jogadores, como dribles, tabelas e enfiadas, estão mais polidas e proporcionam uma melhor fluidez dos ataques.

Na contramão, os oponentes parecem estar mais “ligados” nas suas jogadas, apresentando sistemas defensivos bastante concisos. Com essa maior esperteza dos jogadores para ambos os lados, você deve presenciar um maior número de contra-ataques e impedimentos.

ImportantePrós
  • Jogabilidade está mais realista do que nunca
  • Interessantes novidades nos modos de jogo
  • Interface ficou mais dinâmica e descomplicada
ImportanteContras
  • Pouco avanço gráfico e sonoro

Comentários (0)

Ver todos os comentários »
  • Rubens Fernandes Rubens Fernandes
    em 31/12/2013 às 10:09h
    versão: DEMO 5

    Comprei a versão completa e até agora não me arrependi, custo benefício excelente! Elenco sempre atualizado não é novidade, mas a jogabilidade... Complicada de fato, mas quem gosta de joguinho fácil é criança!

  • Héliton Venancio Héliton Venancio
    em 12/10/2013 às 12:32h
    versão: DEMO 1

    FIFA 14 - HORRIVEL!!!! O PIOR FIFA LANÇADO. 1- Excesso de impedimentos nos jogos. Nenhum jogo que joguei desde o lançamento não teve menos que 3 por partida. 2- Marcação artificial fraca, ridícula. O botão de marcar o jogador apenas acompanha o adversário, roubar a bola é algo complicado. 3- Inteligência artificial horrível. 4- Jogabilidade fraca. Mesmo estando óbvio os futuros passes de bola do time adversário, não dá para interceptar com antecedência. 5- Os gols são 85% baseados em contra-ataques / lançamentos para jogador na banheira. 6- Qual o peso da bola do jogo? Mesmo se o jogador tiver a 50 metros do adversário, se estiver com a posse de bola, não demora 3 segundos para a marcação te alcançar. 7- Sistemas de força de chute desequilibrado. Você cobra uma falta do campo de defesa com 40% da barra de energia e a bola atravessa o campo todo. 8- Erros de narração, frases que não condiz com o que acontece. 9- É muito complicado ficar tocando a bola acima da linha do meio campo. Se essa era a intenção da EA, nunca vi um fail tão grande. 10- Faltas marcadas apenas por marcar o jogador adversário. Esperava muito mais. 11- Demora para as partidas serem iniciadas. 12- Obrigatoriedade de assistir as comemorações toscas após fazer um levar um gol. Não quero assistir o Neymar imitando uma galinha tampouco o Messi imitando um robô. 13- Muitas divididas nas partes laterais do campo acabam com a bola saindo para lateral. 14- Ao afastar uma bola na defesa, normalmente ela sai como tiro de meta no goleiro adversário. 15- Jogadores com reações lentas, principalmente no modo on-line. EA Sports FIFA Brasil e EA SPORTS FIFA World Sou jogador do Fifa a mais de 10 anos e merecemos mais do que isso. Fifa 13 é 70% e agora o Fifa 14 não passa de 40% de precisão.

  • josé josé
    em 9/10/2013 às 17:37h
    versão: DEMO 1

    Até o ultrapassado Fifa Online 2 tem jogabilidade melhor que esse fifa, a bola não tem atrito, os jogadores não correm, é complicado de roubar a bola do adversário...

  • Cekeki Cekeki
    em 7/10/2013 às 22:01h
    versão: DEMO 1

    1- Excesso de impedimentos nos jogos. Nenhum jogo que joguei desde o lançamento não teve menos que 3 por partida. 2- Marcação artificial fraca, ridícula. O botão de marcar o jogador apenas acompanha o adversário, roubar a bola é algo complicado. 3- Inteligência artificial horrível. 4- Jogabilidade fraca. Mesmo estando óbvio os futuros passes de bola do time adversário, não dá para interceptar com antecedência. 5- Os gols são 85% baseados em contra-ataques / lançamentos para jogador na banheira. 6- Qual o peso da bola do jogo? Mesmo se o jogador tiver a 50 metros do adversário, se estiver com a posse de bola, não demora 3 segundos para a marcação te alcançar. 7- Sistemas de força de chute desequilibrado. Você cobra uma falta do campo de defesa com 40% da barra de energia e a bola atravessa o campo todo. 8- Narração horrível, totalmente incoerente com a partida. 9- É muito complicado ficar tocando a bola acima da linha do meio campo. Se essa era a intenção da EA, nunca vi um fail tão grande. 10- Faltas marcadas apenas por marcar o jogador adversário. Esperava muito mais. 11- Demora para as partidas serem iniciadas. 12- Obrigatoriedade de assistir as comemorações toscas após fazer um levar um gol. Não quero assistir o Neymar imitando uma galinha tampouco o Messi imitando um robô. 13- Muitas divididas nas partes laterais do campo acabam com a bola saindo para lateral. 14- Ao afastar uma bola na defesa, normalmente ela sai como tiro de meta no goleiro adversário.

  • pablojogademais pablojogademais
    em 2/10/2013 às 16:42h
    versão: DEMO 5

    jogo excelente

  • igor igor
    em 15/9/2013 às 09:31h
    versão: DEMO 4

    fifa o melhor de todos os tempos!

  • jefferson jefferson
    em 12/9/2013 às 20:58h
    versão: DEMO 1

    Sou fifeiro desde 08 e este ano o fifa 14 me desapontou não presta! este ano vou testa o pes.

  • Pedro Bitencourt Pedro Bitencourt
    em 11/9/2013 às 20:44h
    versão: DEMO 5

    A parada eh o seguinte: PES eh jogo de futebol.FIFA eh simulador de futebol. Simples assim!

  • Latrell Spencer Latrell Spencer
    em 11/9/2013 às 14:07h
    versão: DEMO 4

    Muito bom, mas é uma pena não ter a engine ignite. Agora é testar o PES e ver qual vence esse ano.

  • Thiago Thiago
    em 11/9/2013 às 09:03h
    versão: DEMO 5

    Gostei muito da jogabilidade o jogo é perfeito quem acho qui o Fifa não ia atender as nossas expectativas se enganou atendeu e muito pra mim já podemos vibrar muito e via vim mais mudanças quem quer um jogo de verdade ta ai um achei qui ia ter qui mudar de jogo pra jogar o PES mas nem precisou obrigado Fifa

Ver todos os comentários »

Requerimentos

  • Processador dual-core de 2.4 GHz (Intel Core 2 Duo E7200 ou AMD Athlon X2 7450 ou superior)
  • 2 GB de memória RAM
  • Placa de vídeo com 256 MB de memória dedicada (ATI Radeon HD 2900 ou NVIDIA Geforce 8800 GT ou superior)
  • Suporte para DirectX 9.0c ou superior

Shopping Baixaki





(0.097 segundos)