Opera 30.0.1835.88

Opera

30.0.1835.88
  • Gratuito
  • 40,60 MB
  • Para Linux X11
  • Atualizado em 26/6/2015
  • Opera Software
  • Baixar
    Gratuito

O Opera está melhor do que nunca, com visual remodelado e desempenho invejável

Por Equipe Baixaki
Publicidade

Opera é um navegador web mundialmente conhecido, porém não tão utilizado quanto seus principais concorrentes, o Google Chrome e o Mozilla Firefox. Isso não quer dizer que o browser é pior do que seus concorrentes, mas ele realmente teve algumas atualizações passadas muito infelizes.

Todavia, suas últimas atulizações corrigiram praticamente todos os erros do passado, principalmente aqueles relacionados à marcação de páginas favoritas. Alem disso, seu desempenho foi consideravelmente melhorado. Com isso, ele se tornou um concorrente à altura na acirrada briga pela liderança na web.

Novidades na interface

O Opera tem mudado bastante sua interface nos últimos anos a fim de encontrar uma boa solução para combater a concorrência, e, pelo que parece, os desenvolvedores finalmente conseguiram algo estável e concreto para oferecer aos usuários.

A estrutura principal continua a mesma, com uma aparência bem sóbria e bastante similar ao que já encontramos nos concorrentes, mas a tela “Speed Dial”, aquela que traz seus sites favoritos organizados em grade, foi reformulada e está mais bonita. Ela também agregou as funções do antigo menu “Descobrir”, que traz notícias relevantes para o usuário, e “Marcadores”, a área que organiza os favoritos que você marca na web.

Essa nova tela Speed Dial pode ser usada inclusive como tela inicial do Opera, para que ela sempre apareça quando você abrir o navegador. Entretanto, é necessário acessar as configurações e marcar “Abrir página inicial”, logo na primeira seção de opções das configurações.

Apesar disso, como alguns usuários são mais resistentes a mudanças, os desenvolvedores oferecem também a antiga página oficial como opção. A diferença entre elas é basicamente de organização e visual, já que praticamente não há distinções no nível de funcionalidades.

Marcadores

Outro elemento que chama atenção no Opera é o sistema de marcadores. Isso é conhecido nos demais navegadores como “Favoritos”, mas nele o item funciona de uma forma muito mais avançada. Há uma tela específica para eles, e, nesse elemento, você encontra uma organização de pastas de marcadores à esquerda e uma tela para exibição de itens à direita.

É possível pesquisar marcadores, reorganizar tudo que estiver por ali e até compartilhar pastas de marcadores com amigos. Para isso, basta abrir uma pasta de marcadores, selecionar os itens que serão compartilhados e, em seguida, tocar em “Compartilhar”. Imediatamente, um link será dado a você para enviar a quem quiser. As pessoas que o receberem podem acessar isso e importar para seus navegadores ou simplesmente conferir os detalhes.

Fora isso, aqueles problemas terríveis de importação de favoritos das versões passadas do Opera acabaram. Agora, isso funciona como deveria funcionar, e, ao fazer a importação, seus favoritos são imediatamente convertidos em marcadores com miniaturas que se integram ao estilo visual do navegador. Dados de navegação, como históricos e senhas salvas, também podem ser importados.

Desempenho

Em nossos testes de benchmark, a última versão do Opera teve praticamente o mesmo resultado da última versão do Google Chrome. Foram 1007 pontos para o Opera contra 1040 para o navegador da Google no Peacekeeper HTML5. Na prática, isso não gera muita diferença, mas o Opera ganha alguns pontos na hora de iniciar pela primeira vez no Linux, quando o Chrome sempre leva algum tempo a mais para estar completamente funcional.

É necessário comentar ainda sobre a possibilidade de abrir documentos em PDF diretamente no browser, além de outros tipos de arquivos. É interessante lembrar também que, a partir de agora, usuários do Mac OSX e do Linux passarão a receber os mesmos recursos dos usuários do Windows no Opera.

Últimas atualizações

Recentemente, o Opera ganhou algumas melhorias no quesito segurança e recebeu duas funções interessantes. Embora não sejam muitas, as novidades deixam o navegador mais estável e funcional.

A primeira das novidades é a volta do sistema de pré-visualização de abas. Com ele, em vez de abrir uma página para visualizar o conteúdo, basta passar o mouse sobre o título e conferir tudo sem sair do site em que você está navegando no momento. Para utilizar essa função, é só clicar no botão de expansão de abas (a seta para baixo do lado da opção de minimizar) e passar o mouse sobre os itens na popup mostrada na tela.

Essa é uma solução inteligente e prática quando existem dezenas de páginas abertas e você não quer perder tempo transitando de uma em uma até encontrar o site desejado.

Barra de navegação mais intuitiva

Nas últimas versões, o Opera também ganhou uma barra de navegação repaginada. Agora, ela fica localizada na parte inferior de toda nova aba. A partir dela, você pode facilmente alternar entre o Speed Dial, os marcadores e a função “Descobrir”.

A barra vai continuar aparecendo independentemente da sessão em que você esteja logado, porém ela some imediatamente quando uma página comum for aberta. Para reavê-la, é só abrir uma nova aba com o Speed Dial.

Por fim, uma série de ajustes técnicos e funcionais foram realizados para deixar o navegador mais seguro e estável, e alguns elementos foram incluídos para deixá-lo mais integrado a esses ambientes.




Nossa Opinião

Nossa Opinião Acima você conferiu uma descrição completa sobre o Opera e suas funcionalidades, saiba agora o que achamos dele

Depois de cometerem alguns erros em versões passadas, os desenvolvedores do Opera finalmente acertaram a mão na interface do navegador e deixaram o aplicativo realmente tinindo. É possível dizer que o Opera está de igual para igual com o Google Chrome e com o Mozilla Firefox em questão de usabilidade e desempenho. Escolher um entre os três é basicamente questão de gosto e necessidade de algumas ferramentas extras.

Falta de complementos

Essas ferramentas extras — extensões, temas e plugins — ainda são o calcanhar de Aquiles do Opera. Há poucas opções de extensões para baixar na loja do navegador, e você também não encontra muitos temas para ele.

Apesar disso, o navegador compensa a falta com uma ferramenta integrada que permite ao próprio usuário criar seu tema. Quanto às extensões, a brincadeira não é tão simples assim. Sites de bancos, por exemplo, raramente criam ferramentas de segurança para seus clientes ficarem sempre navegando no Opera, e, por isso, é necessário manter um navegador auxiliar no Linux.

Interface impecável

Fora essa dificuldade, entretanto, não há absolutamente nada do que reclamar do Opera. A sua interface é impecável e muito bonita. Tudo é feito para ser bastante intuitivo, sendo notável o belo trabalho na construção de ícones e na aplicação de efeitos de transição. Entre as soluções mais famosas para navegar na internet, não dá para negar que o Opera é o que mais agrada os olhos.

O sistema de marcadores com a possibilidade de compartilhar esses itens com seus amigos através de um link gerado instantaneamente é um dos maiores destaques do programa. Você não vai dar o devido valor a esse item até o dia em que estiver procurando alguma coisa para comprar, como um apartamento, e precisar compartilhar vários links de uma só vez com alguém.

Além disso, a forma como o Opera lida com os marcadores em geral é muito agradável. Ele cria miniaturas para cada página adicionada e permite ao usuário personalizar esses itens. Nenhum outro navegador lida com marcadores com soluções tão práticas e bonitas na interface.

A nova página inicial que concentra o “Speed Dial”, o “Descobrir” e o “Marcadores” agora ficou mais elegante e intuitiva. Como praticamente todos os menus de configurações do browser possuem barras laterais com guias de opções, fazia sentido utilizar o mesmo esquema para a tela inicial do navegador.

Desempenho

O Opera também melhorou bastante o desempenho. Trata-se de um browser muito ágil para navegar na internet e também para ser executado pelo sistema. É notável que ele é executado pelo Linux com mais velocidade do que o Chrome, por exemplo, que é bem mais pesado.

Sendo assim, só podemos recomendar a nova versão do Opera sem maiores ressalvas. O navegador evoluiu na medida certa e, agora, oferece uma ótima interface a seus usuários combinada a um ótimo desempenho. Portanto, se você nunca testou esse programa ou criou algum preconceito contra ele no passado, vale muito a pena conferir as novidades.

ImportantePrós
  • Rápida instalação
  • Cliente de email interno
  • Permite a execução de widgets de forma independente
  • Leve e fácil de usar
  • Bugs arrumados
ImportanteContras
  • Pode apresentar alguma instabilidade

Comentários (0)

Ver todos os comentários »
  • gerson hermes gerson hermes
    em 22/2/2014 às 10:15h
    versão: 12.16 Build 1860 1

    Parou no tempo. 1 estrela pq é obrigado.

  • Jake Henrique Jake Henrique
    em 14/10/2013 às 22:02h
    versão: 12.16 Build 1860 3

    NO windows é nota 10, mas no ubuntu o opera ta deixando a desejar. Sem falar que a versao para windows já está na 17, no linux parou na 12. O melhor navegador para Ubuntu ainda é o Chrome.

  • gerson hermes gerson hermes
    em 31/5/2013 às 12:20h
    versão: 12.15 Build 1748 5

    A versão 12.15 ta voando no Ubuntu!

  • Alessandro Lopes Alessandro Lopes
    em 12/7/2012 às 20:01h
    versão: 12.00 Build 1467 Final 5

    Exelente vale apena baixar só uso ele e não tem comparação ;)

  • Luis Luis
    em 8/3/2012 às 23:32h
    versão: 11.61 5

    Cada vez melhor,o Opera tem recursos unicos muito bom para o linux,o Opera tem gerenciador de email,de downloads,torrents entre outros recursos,alem disso o Opera é leve e rapido,mas ele tem que melhorar mais sua estabilidade no Linux,no Windows o Opera é perfeito

  • Detalhista Detalhista
    em 6/2/2012 às 10:11h
    versão: 11.61 5

    Rápido, estável, seguro, com e-mail!!!! Muitos acessórios, grátis, e o melhor, com qualidade... não sei quanto aos outros, mas no meu pc foi melhor que o Google Chrome, além de consumir pouca memória. Recomendado!

  • Antonio Antonio
    em 14/12/2011 às 11:50h
    versão: 11.60 Final 5

    Continua as melhorias nesta versão 11.60!

  • camus de aquário camus de aquário
    em 9/12/2011 às 18:12h
    versão: 11.60 Final 3

    Muito bom navegador e com recursos de grande utilidade vindo por padrão,porem o mesmo está apresentando problemas no orkut e fazendo a memória ir as alturas e mesmo que feche a aba do orkut a memória não abaixa ou seja perde o gerenciamento de memória. OBS: 1ª Percebi este problema no orkut. 2ª Sistema Debian squeeze 6.0.3 em uso. 3ª Se alguém percebe isso no windows também é bom relatar.

  • Jean Jean
    em 29/10/2011 às 16:03h
    versão: 11.52 Build 1100 Final 5

    Esse browser é ótimo! Tem muitos recursos que os outros não tem, como o Turbo e Unite. Outro recurso muito bom, mas que pouca gente sabe, é que com o Opera vc nunca mais vai ter as irritantes janelas pop-up, porque o Opera abre tudo como uma aba! Mesmo aquelas janelas que se escondem atrás da janela principal! Esse é uma das coisas que mais gosto no Opera. A única desvantagem é que ele não se integra bem com o tema Ambiance do Ubuntu, mas é só baixar uma skin (procure "Ambiance skin for Opera" no Google) que a integração fica perfeita!

  • Francisco Machado Francisco Machado
    em 15/9/2011 às 15:15h
    versão: 11.51 Build 1087 Final 5

    Simplesmente o melhor navegador para linux!

Ver todos os comentários »

Shopping Baixaki





(0.094 segundos)