Logo Exile Ícone

Exile

Versão 1.1.2 Grátis
130 MB
Funciona em: Android
2.2/2.3/3.0/3.1/4.0
Adicionado em : 06/09/2012 Orbotix
Baixar Grátis Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie! +0 Avaliações - Seja o primeiro a avaliar o produto!

Descrição

Felipe Demartini
Use o acelerômetro do seu aparelho Android para controlar uma nave e desbravar o espaço

Exile é um game um pouco diferente do que você está acostumado a ver no Android.

Em teoria, o título pede que o jogador utilize a Sphero, uma redoma eletrônica Bluetooth que pode ser pareada ao aparelho e serve para controlar a nave pelos cenários.


Essa parece ser a melhor forma de jogar Exile, já que o título exige reflexos rápidos e muita coordenação motora para que você  possa desviar de todos os objetos que aparecem flutuando no espaço, ao mesmo tempo em que destrói naves inimigas e escapa dos disparos que podem causar a morte.

Mesmo sem a Sphere, porém, a jogabilidade é permitida pelo acelerômetro e giroscópio dos aparelhos. Basta inclinar o dispositivo para os lados, frente e trás para controlar a velocidade de voo e a direção, com os tiros sendo disparados automaticamente pelo game.

   Exile - Imagem 1 do software   Exile - Imagem 2 do software

A destruição de naves inimigas vale pontos, que devem ser coletados ao longo das fases. Basta se aproximar das esferas de bônus para que o campo gravitacional de sua própria nave puxe-a em sua direção. Cada coleta equivale a um pouco mais de energia em uma barra no canto inferior direito. Quando completada, ela permite a realização de um ataque especial que destrói todos os oponentes da tela.

A progressão se dá por meio de fases, que vão sendo desbloqueadas em sucessão. Os estágios são representados na forma de uma galáxia, com planetas e estrelas ficando acessíveis sempre que um anterior é completado. A dificuldade também vai aumentando à medida que o jogador segue pelo espaço, com níveis que vão ganhando cada vez mais inimigos e asteroides para atrapalhar o jogador.

   Exile - Imagem 3 do software   Exile - Imagem 4 do software

Pequenas quantidades de esferas de energia também são obtidas ao final de cada fase. Além de garantir o poder extra já citado, os itens permitem a compra de melhorias para a nave espacial do jogador. É possível, por exemplo, aumentar a velocidade dela, deixá-la mais resistente a colisões e disparos ou adquirir novos canhões, que facilitam a destruição de inimigos.

Os gráficos não tentam ser fotorrealistas. Em vez disso, seguem um estilo muito parecido com a série de filmes “Tron”, com essa influência sendo sentida também na trilha sonora, com tons épicos e eletrônicos. Exile é realmente uma típica aventura espacial.

O game é gratuito. Caso o jogador deseje, pode adquirir uma Sphero pela internet. O aparelho custa US$ 129,99 (cerca de R$ 260).

Nossa Opinião sobre o Exile

Mesmo sem o uso da Sphero, Exile se mostra um título espacial bem divertido, que traz lembranças dos velhos jogos de nave dos fliperamas. Os controles pelo acelerômetro e giroscópio são simples e facilmente recalibráveis, permitindo que o jogador os regule de acordo com a maneira que segura o aparelho.

Os gráficos também são muito bonitos, com muitas luzes de neon e uma grande variedade de cores. A ideia é exatamente passar a sensação de que o jogador está numa versão psicodélica do espaço. O pacote fica completo com a trilha sonora, empolgante e bem composta. Os fãs da série “Tron” vão curtir mais do que todos os outros.

A progressão pelas fases e a compra de upgrades também são um incentivo para que o jogador continue a seguir em frente. Apesar de existir pouca alteração visual na própria nave, as mudanças são sentidas na jogabilidade.

Exile, porém, pode se tornar um pouco repetitivo com o tempo. Os desafios são sempre os mesmos — vencer uma fase desviando de obstáculos ou destruindo inimigos, ou ambos. A pouca variedade de oponentes e outros elementos do cenário pode tornar a jogabilidade um pouco cansativa.

Uma crítica também pode ser feita em relação às interrupções na jogabilidade. Em diversos momentos, o game exibe um aviso de que não existe um Sphero sincronizado ao aparelho, indicando opções para compra do acessório. Os alertas intrusivos, felizmente, podem ser desabilitados pelo menu de opções, mas não sem que o jogador tenha que se ver diante de uma série deles até conseguir fazer isso.

Ainda assim, Exile é um jogo que vale a pena ser experimentado, mesmo sem a Sphero. Quem não é adepto dos controles pelo acelerômetro pode torcer o nariz no início. Ao contrário da grande maioria dos títulos que utilizam a tecnologia, porém, este realmente funciona e dificilmente você morrerá devido a falhas nos controles.

Prós & Contras

Prós

  • Bons gráficos e trilha sonora
  • Controles simples e bem calibrados
  • Dificuldade na medida
  • Upgrades que incentivam o jogador a continuar

Contras

  • Repetitivo
  • Avisos intrusivos

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Exile

  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação