Logo Guitar Zero Ícone

Guitar Zero

Grátis
51.27 MB
Funciona em: Windows
XP/Vista/7/2000/8
Adicionado em : 02/03/2011
Baixar Grátis Download Seguro
Verificado com Antivírus

O que estão falando…

Já usou? Avalie!
+56 Avaliações
  • Foto de gabriel
    gabriel 1 de novembro de 2011 - 11:37
    10
    Nota Excelente!
    gente me ajudem eu baixei e achei legal más só que quando eu vou jogar da um seguinte erro guitar zero parou de funcionar e agora o que eu fço e eu quero muito jogar se eu soubeçe que dava erro eu não teria baixado mas achei ele legal me ajudem
  • Foto de ismaiden666
    ismaiden666 2 de março de 2011 - 22:56
    2
    Nota Ruim!
    Gente... esse Guitar Zero é só legalzinho, mal dá pro gasto. Um coitado logo abaixo chamado Bruno ofendeu os que jogam Frets On Fire mas ele não sabe o que está falando. FoF é o melhor clone de GH/RB já criado. Realmente sua versão normal é bem básica e não tem nada de muito interessante mas então pesquisem na net e baixem um mod de FoF chamado MFH Mod que deixa o jogo exelente, adicionando muitos temas e novas opções. Tirando esse mod à outras dezenas de temas que podem ser adicionadas a parte mas o melhor é que existem pacotes de músicas de todos GH/RB para adicionar no FoF. Baixem o FoF, instalem o MFH Mod e pacotes com as músicas e realmemte verão do que estou falando, terão a experiência mais próxima possível das versões originais. Abraços...

Descrição

Willian Fonseca
Substitua Frets On Fire por um jogo com visual exatamente igual ao do primeiro Guitar Hero

Guitar Zero é um simulador de guitarra no estilo Guitar Hero. Na verdade, seu visual é uma cópia exata desse jogo – com a grande diferença de não apresentar uma gama variada de músicas nativas. Apesar disso, ele consegue rodar em qualquer PC, mesmo aqueles com configurações pouco potentes.

Quem conheceu Guitar Hero e Rock Band ao visitar a casa de algum amigo inevitavelmente arrisca jogar algumas músicas e em pouco tempo já fica viciado. Contudo, nem todo mundo possui um console das últimas duas gerações que rode o jogo, ou não se viciou a ponto de querer desembolsar o kit com todos os instrumentos da banda.

Alternativa gratuita

Guitar Zero é, visualmente, uma cópia exata de Guitar Hero. Além disso, opções do menu, modos de jogo e jogabilidade também imitam o original. Diferente de outros simuladores como Frets On Fire, Guitar Zero foi feito para ser jogado por meio de uma guitarra de plástico ou controle conectado via USB.

Antes de começar a jogar, é sempre necessário configurar as teclas a serem utilizadas. Caso você não tenha um joystick externo, há a possibilidade de usar seu teclado para jogar – porém, você precisa usar um programa específico para associar as teclas aos botões de um suposto controle virtual. Veja como fazê-lo mais adiante neste texto.

Configurados os comandos, basta selecionar a opção “Quick Play” (Jogo Rápido) e escolher uma das três músicas disponíveis. Na tela seguinte, defina a dificuldade com a qual você está acostumado a captar as notas e espere as música começar.

Dentro do jogo as possibilidades são iguais às de Guitar Hero: segurar a corda sem precisar tocar, distorcer notas seguradas e ativar o “Star Power” (Poder de estrela) para duplicar a pontuação obtida. No final de cada música aparece a porcentagem de notas tocadas corretamente – isso, claro, se você conseguir alcançar o final de música sem que as vaias do público cubram o som da banda.

Jogando

Novas músicas

Três músicas é uma quantidade pequena, porém há como adicionar quantas você quiser! Para isso, é preciso ter descompactado a pasta “guitarzero” de dentro do arquivo baixado. Então, crie na pasta “Songs” diretórios com o nome das músicas adicionadas, e coloque dentro de cada um arquivos OGG com as diferentes dificuldades da música. Calma, não há como fazê-lo pelo Guitar Zero, por isso é preciso procurar na internet pelos arquivos com essas alterações prontas.

Configurações do controle

Caso você tenha um controle ou guitarra de plástico não precisa ler esta parte, porém se você desejar usar seu teclado como controle, é de suma importância realizar estes passos corretamente – senão não conseguirá jogar de nenhum jeito!

Primeiramente, descompacte o arquivo baixado e, dentro da pasta criada, descompacte o arquivo “guitarzero”. Na pasta “PPJoy”, execute o arquivo “setup” e instale o programa. Agora, acesse o Painel de Controle do Windows e abra a opção “Parallel Port Joystick”. Clique em “Add”, em “Add” na outra janela e depois em “Done” – com isso você criou um joystick virtual.

Configuração do joystick virtual PPJoy

Ainda na pasta “PPJoy”, rode o arquivo “PPJoy Key”. Na tela aberta você vê opções com o nome “Button”: clique sobre “Scan”, ao lado de cada uma, e aperte uma tecla do teclado. Configure onze botões e minimize a janela – você não pode fechá-la em hipótese alguma, caso contrário não será possível jogar!

Finalmente, abra o jogo e use as setes direcionais e Enter para acessar “Options” e definir as teclas usadas. As cinco primeiras correspondem aos botões coloridos que aparecem na tela durante as músicas, já o sexto é o equivalente à alavanca que dá som às cordas (só apertar os botões coloridos não adianta para tocar). Segure a tecla que deseja definir e aperte Enter. Faça isso para todas as opções e pronto, agora você pode jogar!

Nossa Opinião sobre o Guitar Zero

Jogar Guitar Zero é uma experiência no mínimo interessante. Sua interface é totalmente copiada de Guitar Hero e, por causa disso, é fácil de entender o que acontece nos menus e lista de músicas. Seu grande problema, no entanto, é ser voltado para quem possui controle USB ou a guitarra de plástico do console.

Há a opção de usar o teclado por meio de um joystick virtual, porém configurá-lo é tão trabalhoso que você quase desanima de jogar até descobrir como fazê-lo. Aliás, se você fechar o simulador de controle não é possível jogar e, além disso, é sempre preciso configurar os controles ao abrir o Guitar Zero.

O jogo foi feito para rodar em várias máquinas, desde as menos potentes até as mais monstruosos em questão de desempenho. Portanto, sua jogabilidade é boa, exceto pelo fato de ser relativamente estranho precisar segurar o teclado de ponta-cabeça para conseguir pegar as teclas com mais facilidade.

Outro ponto negativo de Guitar Zero é não possuir mais do que três músicas nativas –  para aumentar essa quantidade, você precisa encontrar na internet pacotes com as notas já mapeadas para o jogo. Caso você jogue Frets On Fire e estava pensando em mudar para o Guitar Zero, saiba que basta copiar as músicas criadas para a pasta deste, pois elas são compatíveis! Ou seja, para ter músicas, crie-as no FOF e passe para o GZ!

Prós & Contras

Prós

  • Visual parecido com o do original
  • Comandos simples
  • Roda em PCs de pouco desempenho

Contras

  • Requer outro programa sempre aberto
  • Complicado de configurar
  • É sempre preciso configurar os comandos

Interesse ao longo do tempo

Compartilhe essa página

Avaliações sobre o Guitar Zero

+56 Avaliações
  • {{comentario.nome}} {{comentario.data}}
    {{comentario.nota}}
    Nota {{comentario.notaExtenso}}!
    Editar Avaliação